As diferentes formas de se comemorar o Natal ao redor do mundo
Connect with us

As diferentes formas de se comemorar o Natal ao redor do mundo

natal-russia

Curiosidades

As diferentes formas de se comemorar o Natal ao redor do mundo

Ceia farta, família reunida, presentes embaixo da árvore e um clima inexplicavelmente bom na casa. Essa seria uma amostra do Natal dos sonhos de uma família brasileira, não é mesmo? Com algumas superstições a mais aqui, outras peculiaridades ali, em suma, é assim que a banda toca em muitos lugares.

Bom, mas será que o mundo todo também comemora a data da mesma forma? Obviamente, a resposta é não. Separei algumas das celebrações mais curiosas para compartilhar com vocês aqui nesse post.

 

Estrela no céu e ceia farta

Na Rússia e na Ucrânia as diferenças já começam na data. Por lá, o Natal é comemorado no dia 7 de janeiro, e não no dia 25 de dezembro como em boa parte do globo. O fato ocorre porque a Igreja Ortodoxa usa o velho Calendário Juliano, implantado pelo líder romano Júlio César em 46 a.C., para os dias de celebrações religiosas. Orações especiais são feitas por 39 dias antes do dia 6 de janeiro (Véspera de Natal) e quando a primeira estrela da noite aparece no céu, inicia-se uma ceia com pelo menos 12 pratos diferentes, em homenagem a cada um dos apóstolos.

 

Presente para o bom velhinho

Na Irlanda, quem se dá bem é o velho Noel, já que os irlandeses têm o costume de deixar perto de suas chaminés e janelas um bom pedaço de mince pie (um tipo de torta doce, tradicional na época) e uma garrafa de Guinness como presente para o bom velhinho.

natal-irlanda

 

Intruso no presépio

O tradicional presépio ganha um toque meio ~bizarro~ em alguns lugares da Espanha, Portugal e Itália. A imagem representada por Maria, José e o Menino Jesus ganha um intruso folgado, o Caganer ou Shitter, em inglês. Sim, é isso mesmo que você está pensando. Trata-se de uma estatueta de um homem defecando, com as calças em torno de seus joelhos e uma pilha de fezes em seus calcanhares. Fique tranquilo, não se trata de nenhum tipo de manifesto ou desrespeito a cena tradicionalmente católica. Ao que tudo indica, o Caganer está ali pelo simples fato de ser uma peça importante da mitologia popular catalã, e que os catalães acharam interessante inserir no contexto da imagem.

natal-caganer

 

Promessa de casamento

Na República Tcheca há um ritual curioso que me fez lembrar do conto da Cinderela, saca só: as mulheres solteiras de lá, para saberem se vão se casar no ano seguinte ou não, ficam de costas para a porta e jogam seu sapato para trás, sobre o ombro. Se o sapato cair de pé com o calcanhar voltado para a porta, já era, não será nesse ano que ela se casará. Caso ele caia com a ponta virada para a porta, a moça pode celebrar, pois o casamento é iminente.

natal-republicatcheca

Festa na rua

Na capital Venezuelana, Caracas, na manhã de véspera de Natal as ruas da cidade são fechadas para o movimento de carros, motos e ônibus. Tudo para que as pessoas possam comemorar as festividades e ir às missas com tranquilidade seja de patins, bicicleta, skate ou a pé.

natal-venezuela

Assustando as bruxas

De acordo com uma antiga crença Norueguesa, bruxas e espíritos malignos surgem na véspera de Natal para roubar vassouras e voarem aos céus. Dado isso, vassouras, rodos e qualquer outro objeto similar são escondidos pelas famílias e os homens disparam aos céus com suas armas afim de espantar para longe essas criaturas. Se é verdade ou não, eu não sei. Mas que é no mínimo curioso, ah isso é!

natal-noruega

 

Papai Noel no cavalo

Assim como na Rússia e Ucrânia, na Holanda o feriado não é celebrado no dia 25 de dezembro. Nesse caso, comemora-se no dia 6 do mesmo mês, quando crianças aguardam a chegada de Sinterklaas – o Papai Noel – e seu ajudante Black Pete que vêm ao país entregar doces e nozes para meninos e meninas que se comportaram durante o ano e encheram seus sapatos com feno e açúcar para seus cavalos – é, por aqui não tem rena não.

natal-holanda

 

Fast food

No Japão, como era de se esperar, algo no mínimo curioso acontece. Por lá, o que chama atenção é prato principal da ceia deles que é nada mais nada menos que um Kentucky Fried Chicken, sim o popular KFC. Hahaha. Por que será que não estou surpreso? Pra se ter uma ideia do quão forte é a tradição, você precisa encomendar com bastante antecedência seu pedido na rede de fast-food, ou então a chance de ficar sem uma peça na ceia é muito grande, viu?

natal-japan

Bagunça

Por último, uma tradição Eslovaca que deve deixar as donas de casa piradas na manhã seguinte à ceia. Por lá, ao início do jantar, o chefe de família toma uma colher de Loksa (um prato tradicional de Natal feito de pão, semente de papoula e água) e joga para o teto. Quanto mais tempo a mistura permanecer colada por lá, mais rica e farta será suas colheitas no próximo ano.

natal-eslovenia

Publicitário de formação. Imigrante por opção. Viajante em movimento. Encontrou no DPB uma forma de unir as duas coisas que mais gosta, escrever e viajar. Divide sua vida entre carimbos novos no passaporte e documentos editados no word.

To Top