Como conciliar trabalho e estudo no intercâmbio
Connect with us

Como conciliar trabalho e estudo no intercâmbio

saiba-como-ter-sucesso-no-mercado-de-trabalho-no-exterior

Intercâmbio

Como conciliar trabalho e estudo no intercâmbio

Conciliar trabalho e estudo pode ser uma tarefa difícil, especialmente para quem enfrenta esse desafio no exterior. Se o seu destino permite que você trabalhe e estude é interessante que você siga alguns passos para que sua vida não se transforme em uma bagunça. Confira nossas dicas abaixo:

Tente conseguir um trabalho perto da sua escola

Quanto mais perto o seu trabalho for da escola, menos tempo você gastará dentro do transporte público durante o trajeto. Isso otimiza as atividades da sua rotina e contribui para que você administre melhor o seu tempo livre, permitindo até mesmo que sobre um espaço de tempo que pode ser dedicado ao lazer.

Crie um cronograma

Para aproveitar o dia da melhor forma, o ideal é que você tenha um cronograma em que estejam listados todos os horários das suas atividades diárias, do trabalho e estudo. Assim, sempre que você tiver alguma dúvida, pode consultá-lo ou fazer as adaptações necessárias.

Estabeleça prioridades

Serão tantas as oportunidades e os convites para atividades diferentes que, provavelmente, você terá vontade de “abraçar o mundo”. Mas desde já, antes de partir para o seu intercâmbio, tenha certeza de que cronograma nenhum permitirá que você faça tudo que tem vontade em apenas um dia. Isso não quer dizer que seja preciso abrir mão de tudo, mas apenas que deve estabelecer prioridades. Coloque na balança cada convite para evento, cada reunião de grupo ou passeio. Veja o que será mais benéfico e qual você tem realmente vontade de participar. Por exemplo, se o seu foco está nos estudos, mas você também precisa ter um emprego, procure por um trabalho que tenha uma carga horária flexível e que não prejudique o seu aprendizado.

Como conseguir trabalho no exterior?

A instituição de ensino que você está estudando será uma ótima porta de entrada para arrumar um emprego. Faça networking com professores e outros alunos, compartilhando o seu interesse em arrumar um emprego ou um estágio. Quanto mais conexões você fizer, maiores serão as chances de você conseguir uma vaga. Além disso, outra dica é criar um perfil no LinkedIn, rede social voltada para o mercado de trabalho. Adicione todas as suas experiências profissionais e acadêmicas, destacando todos os seus diferenciais. Você deve pesquisar a situação do mercado de trabalho do seu destino e como funciona a burocracia para estrangeiros, como documentos necessários, cargos disponíveis, nível de inglês, etc.

Como montar um currículo em inglês?

O currículo em inglês não se difere tanto do em português, mas será extremamente necessário se você for tentar uma vaga fora do país. Os itens que normalmente devem ser abordados são:

• Personal Information: full name, address, mobile e e-mail.

• Objective;

• Academic / Educational background;

• Professional background;

• Major accomplishments;

• Languages;

• Extracurricular activities;

• Certifications;

• References.

Lembre-se, o ideal é que você não ultrapasse duas páginas e em alguns casos, é aconselhável anexar uma carta de apresentação.

Quer saber mais sobre trabalho e estudo no exterior? Então confira como ter sucesso no mercado de trabalho no exterior

Designer e especialista em artes visuais, aqui no DPB partilha seus mais interessantes e criativos achados da web. Divide seu tempo entre explorar Dublin, viajar o mundo e alguns outros projetos, como seu Instagram.

Click to comment
To Top