Como fazer intercâmbio e conhecer novas pessoas - DPB Intercâmbio
Connect with us

Como fazer intercâmbio e conhecer novas pessoas

Como Fazer Intercâmbio

Intercâmbio

Como fazer intercâmbio e conhecer novas pessoas

Que o intercâmbio é uma experiência incrível você provavelmente já sabe. A grande dificuldade de muitas pessoas é como interagir com os locais e fazer novas amizades, principalmente com a barreira de não falar outra língua fluentemente. A boa notícia é que isso não precisa ser uma dificuldade. A prova é a lista que fizemos sobre como fazer intercâmbio e conhecer novas pessoas durante essa experiência. Veja!

Esforce-se para perder a timidez

A timidez é um grande problema, pois acaba travando muitas pessoas e fazendo com que elas percam grandes oportunidades. Para não lidar com isso, você pode se esforçar para romper essa barreira e puxar assunto.

Se ficar muito sem graça de falar com um nativo, já que ele tem uma pronúncia perfeita, você pode procurar fazer amizades com outros estudantes internacionais. Assim, os dois estarão vivenciando os mesmos dilemas e dificuldades. Depois de um tempo, quando se sentir mais seguro, pode fazer isso com os locais.

Esteja aberto para fazer novos amigos

Para fazer novos amigos, é importante ser cara de pau. Vença a timidez (como exploramos no último tópico) e tenha cara de pau suficiente para puxar assunto, pois só conhecendo as pessoas é possível se tornar amigo. Para fazer amigos durante esse período tão maravilhoso que é o intercâmbio, se exponha a diversas situações, saindo de casa, conhecendo novos lugares, indo para a balada, etc.

Mesmo que você goste muito de ficar em casa, entenda que esse não é o período ideal para fazer isso – principalmente se for por um espaço curto de tempo e já com data para voltar. Faça um esforço e tente se inserir no cotidiano da cidade onde vive, pois assim você fará amizades de vários países.

Não tenha medo de errar a pronúncia

Uma grande barreira é a vergonha do nível do idioma, já que muitos usam isso como uma grande desculpa. Tenha em mente que a sua segunda língua ser ruim ou a sua pronúncia não ser perfeita é completamente compreensível. Acredite: a maioria dos cidadãos compreende isso e faz um esforço extra para entender você.

Você pode ficar com vergonha no começo, mas tenha em mente que falar e praticar é a melhor maneira de progredir. Além disso, caso não consiga comunicar algo, você pode recorrer à mimica, ao Google Tradutor, ou seja, nada é desculpa para não se comunicar!

Envolva-se em algumas atividades locais

Toda cidade tem seu ritmo e você pode se entrosar com os cidadãos fazendo as mais diversas atividades. Elas podem ir desde uma visita à igreja aos domingos até a prática de um esporte. Assim, você se acostuma com a pronúncia dos nativos e melhora ainda mais a prática da língua que está aprendendo. Além disso, essa é uma ótima maneira de fazer amigos e vivenciar a cultura, pois você vai ouvir o que as pessoas de lá realmente fazem e o que pensam.

Vivencie o lugar

Viver em uma cidade nova é ótima oportunidade de conhecer novos museus, novo restaurantes e culturas. Jogue-se nessa experiência e até se desligue um pouco da sua realidade no Brasil (pode ser um pouco difícil, mas é uma ótima maneira para que você vivencie essa experiência de forma ainda mais única e intensa)!

Não se esqueça de pensar positivo e extrair todos os momentos felizes e inesquecíveis dessa grande aventura que você está vivendo. Se esse conteúdo ajudou e você acha que poderia ajudar outros futuros intercambistas, não deixe de compartilhar nas redes sociais e fazer com que eles acessem isso com mais facilidade. Nós nos encontramos em breve!

 

Quer saber mais sobre como fazer intercâmbio? Confira quais são os melhores países para estudar no exterior

Angelo já subiu um vulcão na Indonésia, se perdeu entre campos de arroz do Vietnã (e de Ascurra) e cruzou a Índia de trem. Mora na Irlanda desde 2012 e já visitou quase 50 países. Além de viajante, também é fotógrafo, videomaker e um dos fundadores do DPB.

Click to comment
To Top