Mochilão pela Europa: 12 dicas essenciais para rodar o velho continente
Connect with us

Mochilão pela Europa: 12 dicas para quem planeja rodar o continente

Mochilão na Europa

Dicas de Viagem

Mochilão pela Europa: 12 dicas para quem planeja rodar o continente

O velho continente é cheio de possibilidades e te permite seguir inúmeros estilos de viajar com destinos para todos os gostos. Com rodovias e sistema ferroviário impecáveis e vôos baratos, um mochilão pela Europa é uma opção viável para a maioria dos intercambistas brasileiros pela área, ou ainda, programa de férias de alguns que querem conhecer um pouco este lado do mundo. Grandes metrópoles ou vilas do interior, montanhas, praias, lagos: a Europa tem tudo o que um mochileiro precisa. E se você está planejando seu mochilão por estes lados, aqui vão nossas dicas essenciais:

 

1. Mochila leve é regra

Mochilão-pela-Europa

A Europa tem tudo o que você precisa, então não há necessidade de trazer peças extras. Você somente se arrependerá se vier com a mochila pesada, sem espaço para nada, carregando peso desnecessário.

 

2. Escolha a estação do ano de acordo com seu objetivo

Mochilão-pela-Europa

No verão, o litoral dos Balkans, as montanhas da Eslovênia e as cidades Bálticas são perfeitas pela paisagem e pela economia. Já no outono, quando a temporada diminui, o Mediterrâneo é a região ideal, como Espanha e Itália. No inverno, a neve e as festas de Ano Novo os atrativos. E, na primavera, lugares como Holanda, Escandinávia, França e Inglaterra, com dias longos e temperaturas agradáveis são os preferidos. É claro que você não deve se limitar, afinal, a Europa é incrível independente da estação do ano. Vale você pesquisar e se adequar ao roteiro escolhido.

 

3. Opte por um hostel e considere couchsurfing

Mochilão-pela-Europa

Acomodação pode ser uma das despesas mais altas de um mochilão, por isso, optar por um hostel é uma solução para quem busca economia. Com opções para todos os bolsos, os hostels na Europa são seguros, além de uma ótima pedida para quem busca fazer amigos durante a viagem. Outra possibilidade para quem vem com o orçamento apertado é utilizar o couchsurfing, um site onde pessoas do mundo inteiro cedem um lugar em suas casas para viajantes. Na Europa, o serviço é bastante conhecido, com muitos adeptos em todos os países.

 

4. Não queira fazer de tudo em pouco tempo

Leva tempo de um lugar ao outro e, se você quiser conhecer 20 países em 30 dias, certamente não irá conhecer nada de fato, só passar por eles. Escolha uma rota inteligente, com países próximos, se quiser conhecer ao máximo do Velho Continente.

 

5. Vá de trem ou ônibus

Mochilão-pela-Europa

É verdade que as passagens aéreas são baratas e podem compensar em alguns casos, mas os trajetos terrestres valem pela paisagem e pela possibilidade de acrescentar aquele país a mais na sua rota.

 

6. Planeje sua viagem enquanto estiver rolando algum festival

Mochilão-pela-Europa

Tem sempre algum festival acontecendo da Europa, principalmente no verão. Fique atento às datas e ingressos e pesquise as possibilidade: St. Patrick’s Day na Irlanda, Roskilde na Dinamarca, Primavera Sounds em Barcelona, Glastonbury na Inglaterra, a batalha das laranjas em Ivrea, na Itália e tantos outros.

 

Leia mais: Os 7 melhores festivais de música do verão irlandês

 

7. Coma como um local

Mochilão-pela-Europa

Para economizar, a dica é fugir das áreas turísticas e observar onde os moradores da cidade estão comendo. Optar pela comida de rua também é uma boa, inclusive, já fizemos um post falando sobre aquelas que você precisa provar enquanto estiver na Europa aqui.

 

8. Faça as walking tours

Mochilão-pela-Europa

Se você não quer investir nos passeios caros com guias turísticos, as famosas walking tours (guias locais que levam grupos para conhecer a cidade caminhando) são uma excelente opção. Você paga o quanto pode e conhece o lugar da melhor forma, explorando cada ruela a pé.

 

9. Não esqueça seu cartão de estudante e adaptador universal

Se você for estudante e tiver uma carteira (de preferência internacional) pode usufruir de descontos em diversas atrações e transporte na Europa. Outra dica importante, é trazer um adaptador universal, já que as tomadas variam de um país para outro e certamente seus aparelhos serão diferentes.

 

Leia mais: As 12 melhores maneiras de viajar de graça

 

10. Faça backup de suas fotos e vídeos ao menos uma vez por destino

Essa dica é altamente recomendada. Levar um HD externo ou ter uma conta em um armazenador de dados como Dropbox são fundamentais para garantir suas memórias registradas. Sempre existe a possibilidade de roubo, de você esquecer sua câmera em algum lugar ou ainda, de simplesmente falhar no meio do caminho.

 

11. Não perca a praia

Mochilão-pela-Europa

Se você vier para a Europa no verão, as praias são imperdíveis, com opções para todos os estilos. Da badalada Ibiza aos lugares menos populares, como Budva, em Montenegro, os países a se considerar são Itália, Malta, Grécia, Croácia, Espanha, Portugal e França.

 

12. Fique de olho nos destinos menos populares

Alguns lugares menos conhecidos podem oferecer preços atrativos, com menos multidões e com paisagens tão lindas (ou mais) do que as cidades mais populares. Alguns exemplos como Wroclaw, na Polônia, Sarandi, na Albânia e Kotor, em Montenegro podem transformar sua trip em uma viagem inesquecível.

 

Conheça 7 maneiras de ganhar dinheiro viajando.

Designer e especialista em artes visuais, aqui no DPB partilha seus mais interessantes e criativos achados da web. Divide seu tempo entre explorar Dublin, viajar o mundo e alguns outros projetos, como seu Instagram.

To Top