Três museus em Amsterdã para quem quer conhecer o lado b da cidade
Connect with us

Três museus em Amsterdã para quem quer conhecer o lado b da cidade

amsterdam_museus-1

Passeios

Três museus em Amsterdã para quem quer conhecer o lado b da cidade

Um dos pontos fortes do roteiro turístico na Holanda são os museus em Amsterdã, que atendem a todos os gostos. Os turistas que gostam de história e artes podem conhecer o prédio que serviu de esconderijo para a família da garota judia Anne Frank durante a perseguição nazista; ou o museu de Van Gogh, que reúne obras do famoso artista holandês.

E como tem para todos os gostos, há também museus que proporcionam uma imersão no lado obscuro da mente humana. Sexo, prostituição e tortura têm espaço reservado no roteiro turístico da capital holandesa. Abaixo, listamos três lugares para quem quer ir fundo nesses assuntos e conhecer o lado b dos museus holandeses.

 

Torture Museum

museus em Amsterdã

Localizado na região central da cidade, o Torture Museum reúne objetos de tortura utilizados principalmente na Idade Média. Além de peças tradicionais, como a guilhotina, há outros objetos que nos fazem refletir sobre quão sádica – e também criativa – pode ser a mente humana. Ao lado de cada objeto, há um quadro com informações sobre os países e época em que eram usados e a que tipo de crime o castigo era aplicado. O prédio do museu é escuro, com partes das paredes e do chão em madeira, o que deixa tudo ainda mais sombrio. O lugar é pequeno e a visita pode ser rápida. Ideal para quem gosta de história e tem sangue frio.

Onde: Singel 449, Amsterdam, Netherlands | Site

 

Sexmuseum

museus em Amsterdã

Fica no Red Light District, o famoso bairro da prostituição. É um passeio na história da arte erótica: por ali, é possível encontrar desde antigas esculturas em formato de órgãos sexuais até obras de artistas contemporâneos que usam o sexo como temática. Há ainda uma pequena sala de cinema onde são exibidos desenhos animados com conteúdo erótico. Fantasias, brinquedos e acessórios sexuais também compõe o acervo. É um passeio curioso, divertido e excitante.

Onde: Damrak 18, 1012LH Amsterdam | Site

 

Red Light Secrets

museus em Amsterdã

Também fica no Red Light District. Ao contrário do Museu do Sexo, que proporciona um passeio leve e divertido, o Red Light Secrets (ou Museu da Prostituição) pode levar o visitante à reflexão sobre as mazelas do universo do sexo comercial. Por lá, o visitante lê histórias de vítimas do tráfico de mulheres que tiveram que se submeter ao mercado do sexo, e assiste a vídeos que mostram como funciona o submundo do famoso bairro holandês da prostituição. É possível ficar em uma das vitrines, como ficam as garotas de programa do bairro, e sentir na pele o olhar dos que passam pela calçada do lado de fora. O espaço conta a história do Red Light District e das pessoas que vivem do trabalho em um dos bairros de prostituição mais famosos do mundo. Uma seção mais divertidas é a parede de confissões, onde é possível ler histórias de aventuras sexuais e desejos de visitantes de todo o mundo. Se você quiser, também pode entrar no confessionário – no estilo dos que vemos nas igrejas católicas – e deixar registrado ali sua confissão mais caliente.

Onde: Red Light Secrets, Oudezijds  Achterburgwal, 60, Amsterdam | Site

 

Bônus

Os três museus ficam relativamente próximos. Se você quiser aproveitar ainda mais a capital holandesa, a dica é alugar uma bicicleta, traçar um roteiro, e fazer esse passeio sob duas ruas. As paisagens são incríveis e você ainda sente o gostinho de viver na cidade onde a bicicleta é o principal meio de locomoção. Se a sua intenção, no entanto, é aproveitar a noite da cidade, os três museus ficam abetos até por volta das 23h.

Carolina tem diploma de jornalista e sonho de ser escritora. Gosta de conhecer lugares e pessoas. Um dia pensou em se encontrar, mas já desistiu dessa loucura. www.carolbtr.com

To Top